4 dicas para construir uma piscina ideal para sua família

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

Pais deitados em uma cadeira na beira da piscina olham seu filho que pula para dentro da água

Todos nós tendemos a idealizar as coisas. Desejamos a casa dos sonhos, o trabalho mais adequado, o grande amigo, a esposa ou o esposo ideal. Nem sempre é possível conseguir tudo do jeito que idealizamos. Porém, muitas vezes, podemos nos aproximar daquilo que de fato queremos, da maneira como esperamos.

Um projeto de área de lazer, por exemplo, pode ser muito bem programado — de forma que, ao final, ele esteja o mais próximo possível das suas expectativas. Neste artigo, daremos algumas dicas para construir uma piscina ideal para sua família. Leia e comece a pensar em como ela poderá ser!

1. Analise as dimensões: altura, largura e profundidade

As dimensões dependem de outros critérios, como o espaço disponível para a construção, o tipo de piscina, as características do terreno, o orçamento disponível para o empreendimento. Com a ajuda de um profissional especializado, é possível definir as dimensões mais apropriadas para seu projeto. Não se esqueça de que a área de lazer necessita de um espaço ao redor, para circulação dos usuários — pode ser uma área pequena, mas deve existir.

Há uma maneira fácil de identificar qual a extensão mais apropriada do terreno. Basta multiplicar a área da piscina por dois. Assim, uma piscina de 4 metros x 4 metros (16 metros quadrados) necessita de 32 metros quadrados de terreno. Em relação à profundidade, o mais recomendado é ter uma piscina entre 1,30 metros e 1,40 metros na região mais funda, que é suficiente para que se pratique natação. A área mais rasa, indicada para crianças, deve ter profundidade de 0,40 metros a 0,50 metros.

construir uma piscina

2. Verifique o posicionamento do terreno

Na hora de construir uma piscina, vale a pena verificar os materiais que podem ser usados na construção da piscina. Isso determinará o método de construção que deverá ser aplicado. O terreno deve ser observado antecipadamente para averiguar as possibilidades das escavações, identificando se existem raízes, tubulações, pedras, se é um terreno de aterro ou se há algum lençol freático. Terrenos irregulares requerem ações mais específicas, o que tendem a tornar a obra mais cara.  A piscina deve ficar posicionada conforme algumas características do imóvel, como a incidência do sol, os ventos, as sombras, a presença de árvores, as características do terreno.  

3. Integre a piscina ao ambiente

Na hora de ambientar e decorar sua piscina, vale a pena investir bem nos aspectos visuais. É recomendado que a piscina se integre à imagem do imóvel. Pode-se, por exemplo, criar um jardim nas imediações, o que certamente dará um visual atrativo e natural à área de lazer. O piso deve ser antiderrapante, de preferência, para evitar acidentes, principalmente em relação a pessoas idosas e a crianças. Os decks de madeira e os pisos de pedra são ótimos para complementar o entorno.

4. Ao construir uma piscina, complemente com muito estilo

Ao construir uma piscina, você não deve esquecer de pontos que vão deixar sua área melhor ainda, mais bonita e funcional. São alternativas que, embora aumentem os custos de investimento, servem para valorizar a área de lazer, aproveitando a estrutura disponível.  E só compre produtos com a segurança de fábrica.

Podemos citar soluções como:

São 4 boas dicas para construir uma piscina e deixá-la conforme as necessidades de sua família e os seus próprios desejos. Considere essas recomendações em seu projeto.

Se você gostou do conteúdo, não deixe de compartilhá-lo nas redes sociais para que outros leitores tenham acesso a ele!

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×