4 formas de economizar a água da piscina

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

economizar a água da piscina

Quando o sol brilha forte lá fora e o fim de semana se aproxima, ter uma piscina em casa é um privilégio do qual não estamos prontos para abrir mão. Não é à toa que a piscina é o sonho de muita gente. Mas nem tudo são flores no jardim de casa, existem também as responsabilidades que vêm junto com esse luxo. Por exemplo, mantê-la sempre limpa, dar manutenção adequada ao equipamento e se certificar de que não ocorram desperdícios.

Para te ajudar a ter tudo sob controle e gastar seu tempo somente aproveitando o dia de sol, preparamos um post completo. Veja agora 4 formas de economizar a água da piscina.

1. Não deixe a água da piscina transbordar

Encher a piscina não é algo que fazemos todos os dias. Mas eventualmente temos que completar a quantidade de água dentro dela. Quando isso for necessário, certifique-se de que o nível da água fique abaixo da borda. Não é necessário deixá-la parte vazia, apenas o suficiente para que você possa aproveitar a água com os amigos sem que a piscina transborde cada vez que alguém pular dentro dela. Para evitar o desperdício, uma boa dica é instalar um dispositivo chamado ladrão. Ele controla do nível da água e suga o que for excessivo, evitando que ela transborde ou fique muito cheia.

2. Evite a evaporação para economizar a água da piscina

A evaporação é um processo físico. Basta fazer mais calor que o normal ou a umidade relativa do ar baixar um pouco para que a água da sua piscina comece a se transformar em gás. Com o tempo, o que parece uma pequena quantidade de líquido indo embora naturalmente se transforma em uma piscina meio cheia. Para evitar que a evaporação natural aconteça, basta cobrir a sua piscina com uma capa protetora. Dessa forma, quando ela não estiver em uso, você não perderá volume da água.

economizar a água da piscina

3. Mantenha a água da piscina sempre limpa

Manter a rotina de higiene é fundamental para economizar a água da piscina. Isso significa limpar o fundo e as paredes, aspirar todos os detritos e sujeiras do fundo, retirar folhas e galhos da superfície, equilibrar o pH da água e filtrar toda ela dentro da frequência recomendada. Cuidados como esse são fundamentais para evitar que a sujeira chegue num ponto em que apenas trocar a água resolverá o seu problema. E nesse ponto, estamos falando de reais catástrofes, uma vez que até a água verde é algo reversível sem medidas drásticas.

4. Cheque a existência de vazamentos

Quando as contas chegam mais altas que o normal e o consumo se manteve o mesmo durante aquele período, a primeira atitude que devemos tomar para economizar a água da piscina, é checar a existência de vazamentos. E o mesmo raciocínio vale para a sua piscina. Por isso, se você quer economizar a água da sua piscina, tenha certeza de que não existem vazamentos em nenhum ponto dela. Desde a construção de fato, passando pelo equipamento de manutenção e limpeza, até os canos que fazem parte de todo o sistema.

O segredo para economizar a água da piscina é entender exatamente como cada parte dela funciona. Ou seja, certificar-se que a manutenção está em dia, tanto na limpeza, quanto a possibilidade de existirem vazamentos. Também é importante cobrir a água para diminuir a evaporação e nunca encher a piscina excessivamente. Colocando todas essas dicas em prática, não existirá espaço para desperdício na sua casa e você estará livre para aproveitar o dia de sol como bem entender.

Você costuma colocar alguma dessas dicas em prática? Conte nos comentários quais são seus hábitos de cuidados com a sua piscina.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×